Política

Safe Drive Florida | Rapper Kodak Black condenado a quase quatro anos por posse de armas

Alvaro Ledo Nass, Madrid, España
'Help us find the high-powered weapons'

Mais populares Droga “Maré branca”: em França, há quilos e quilos de cocaína a dar à costa i-album Itália Veneza declarou estado de emergência devido às cheias que já mataram duas pessoas i-album Conservação da natureza Um leãozinho, uma lontra assustada e um pinguim surfista: o lado mais cómico da vida selvagem Porém, a acusação mais grave acabou por ficar de fora da audiência em tribunal: uma das armas comprada por Kodak Black foi usada num tiroteio, em Março, em que o alvo seria um rapper concorrente

Dieuson Octave, conhecido pelo nome Kodak Black, foi condenado a cumprir 46 meses numa prisão federal, depois de se ter dado como culpado nas acusações que davam conta que tinha forjado, em duas situações distintas, informações sobre os seus antecedentes pessoais em formulários oficiais de forma a conseguir adquirir quatro armas — os factos ocorreram em Miami e o músico conseguiu, pelo menos, garantir a posse de três armas: uma pistola de 9mm, uma pistola ‘9mm Curto’ e uma semiautomática Mini Draco , descreve o diário britânico The Guardian . “Tomei algumas decisões de que não me orgulho”, disse Black, citado pelo mesmo jornal, durante a audiência, assumindo “total responsabilidade pelo infortúnio”.

Mais populares Droga “Maré branca”: em França, há quilos e quilos de cocaína a dar à costa i-album Itália Veneza declarou estado de emergência devido às cheias que já mataram duas pessoas i-album Conservação da natureza Um leãozinho, uma lontra assustada e um pinguim surfista: o lado mais cómico da vida selvagem Porém, a acusação mais grave acabou por ficar de fora da audiência em tribunal: uma das armas comprada por Kodak Black foi usada num tiroteio, em Março, em que o alvo seria um rapper concorrente.

Ainda assim, mesmo com apenas as acusações de ter prestado informações falsas em documentos oficiais, Kodak Black enfrentava uma pena máxima de dez anos, com os procuradores a pedirem uma sentença de oito anos. No entanto, o tribunal acabou por levar em conta o facto de Black, no passado, ter feito doações anónimas a instituições de beneficência .

O melhor do Público no email Subscreva gratuitamente as newsletters e receba o melhor da actualidade e os trabalhos mais profundos do Público.

Subscrever × “Depois de o tribunal ter sido informado de todos os factos e circunstâncias deste caso e do bom trabalho de caridade que Bill (como também é conhecido) fez ao longo dos anos, o tribunal rejeitou o pedido do Estado de 96 meses e condenou-o a 46 meses “, explicou o advogado de Black, Bradford Cohen, à BBC News .

Dieuson Octave nasceu em Pompano Beach, na Flórida, EUA, no seio de uma família de emigrantes do Haiti. Com apenas 12 anos, juntou-se a um grupo de rap chamado Brutal Youngnz, mas o sucesso viria mais tarde, sobretudo após o rapper canadiano Drake ter publicado nas redes sociais um vídeo de si próprio a dançar ao som de um tema de Kodak Black, Skrt . Uma porta que viria a abrir outros mundos, tendo gravado o seu primeiro álbum em estúdio, Painting Pictures , em 2017, com o qual conseguiu ser número três na tabela norte-americana. O seu último trabalho, Dying to Live , atingiu o topo da tabela em Dezembro de 2018.

Continuar a ler